Alta temporada: novidades de luxo e exclusividade no Taiti

Quando o viajante brasileiro de luxo pensa em viajar para mergulhar em um mar de infinitos tons de azul, logo vem em mente as ilhas Maldivas ou de Seychelles. Há, porém, outros destinos que estão investindo arduamente para atrair esse público, como o Taiti.

“Temos uma riqueza cultural e humana de acolhimento que não é encontrada em outras ilhas”, conta Chloé Salvador, responsável pela Promoção e RP das Ilhas de Taiti. Este, aliás, é o melhor momento para visitar algumas das 118 ilhas dos cinco arquipélagos da Polinésia Francesa: a alta temporada vai de abril a novembro, que são os meses com menos chuva.

O cruzeiro Haumana: 11 cabines e uma suíte para navegar entre Bora-Bora e Taha'a
O cruzeiro Haumana: 11 cabines e uma suíte para navegar entre Bora-Bora e Taha’a

ARES E MARES

Nesta época, a Air Tahiti Nui chega a fazer duas decolagens diárias em Los Angeles em parceria com a American Airlines no trecho Brasil-EUA. Crianças de até 12 anos, aliás, não pagam passagem no trecho internacional quando acompanhadas pelos pais, apenas a taxa de embarque.

Além dos hotéis à beira-mar — como o Manava Suite Resort, que teve sua área de lazer reformada recentemente — e bangalôs sobre as águas, também é possível curtir o destino em cruzeiros. No ano que vem, a Princess Cruises deve retornar ao Taiti após cinco anos. Além do Pacific Princess, com capacidade para 670 passageiros, é operado há dois anos o Haumana, para quem deseja mais sossego: são 11 cabines e uma suíte. É possível até mesmo reservar todos os quartos para um roteiro privativo.

Fernanda Sarubbi (Cap Amazon), Josue Silva (Air Tahiti Nui) e Cholé Salvador (Ilhas de Taiti)
Fernanda Sarubbi (Cap Amazon), Josue Silva (Air Tahiti Nui) e Cholé Salvador (Ilhas de Taiti)

TAITI SÓ PARA VOCÊ

Ainda sobre exclusividade, em julho será aberto para reservas o atol Nukutepipi. Com capacidade para até 50 pessoas, a espécie de ilha pode ser fechada por uma semana pelo hóspede e seu grupo — durante o período, apenas eles têm acesso aos imóveis e praias. A travessia para as outras ilhas pode ser feita com barco ou com o passeio de helicóptero lançado há seis meses pela TNH.

Para os agentes e operadoras interessados em saber mais sobre como vender o destino, serão feitas capacitações em maio deste ano no Rio de Janeiro (20), Belo Horizonte (21), Porto Alegre (22) e São Paulo (23). Mais informações serão divulgadas em breve pela Atout France.

Fonte: Panrotas