Paris Aéroport terá campanha contra bagagens abandonadas

O Paris Aéroport (Grupo ADP), que administra o Paris Charles de Gaulle e o Paris-Orly, iniciou recentemente uma campanha de conscientização sobre bagagens abandonadas. Segundo a administração dos aeroportos, mais de mil operações foram realizadas nos primeiros nove meses do ano por conta de bagagens sem vigilância apenas no Charles de Gaulle.

Vale ainda destacar que apenas em agosto deste ano foram cerca de 214 pertences abandonados, número 30% superior ao registrado no mesmo período de 2016. “Isso provou o atraso de, em média, 53 minutos em mais de 400 voos, impactando significativamente o desempenho das companhias aéreas”, pontuou o presidente do Grupo ADP, Augustin Romanet.

Disponível em francês, inglês e chinês, a campanha foi criada em um tom divertido.

Segundo ele, parte dos pertences são esquecidos, porém há uma alta incidência de viajantes que, ao não conseguir despachar malas, ocasionalmente por conta de taxas aplicadas, ou carregá-las em mãos, optam por abandoná-las nas intermediações dos aeroportos — o que pode gerar um alerta de segurança.

Para sensibilizar os passageiros, o grupo, em parceria com a agência Human to Human, criou uma campanha que será lançada em todos os canais de comunicação do aeroporto, incluindo:

  • videoclipes em todos os terminais (serão três teasers espalhados em 135 telas);
  • mesas de check-in;
  • ônibus que fazem a ligação entre os terminais;
  • na estação ferroviária do aeroporto de Paris-Charles de Gaulle;
  • em várias estações em toda na região da Île-de-France.

Disponível em francês, inglês e chinês, a campanha foi criada em um tom divertido. Apesar disso, o operador dos aeroportos destaca que as consequências de uma bagagem abandonada são muito sérias. A depender de onde em que a mala for deixada, todo o local poderá ser evacuado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado