Adeus as Tv’s de tubo nos voos da American Airlines

Boas notícias para quem embarca do Rio de Janeiro em voos da American Airlines rumo aos EUA: os Boeing 767-300, que operam em quase todas as cidades brasileiras atendidas pela companhia à exceção de São Paulo, estão passando por reformas em seus interiores e, com boa parte da frota já renovada, o Rio passa a receber os aviões reconfigurados com maior periodicidade.

Vista frontal da nova executiva dos B767 da American Airlines Foto: Divulgação

Dos 58 767-300 que a American possui, 29 passarão pela remodelagem. A reconfiguração completa da frota deve durar ainda mais alguns meses até que todas as rotas internacionais operadas pelo equipamento contem com os novos interiores. Os Boeing 767 que não forem reconfigurados serão substituídos, a partir de 2015, por aviões mais modernos, como os Boeing 777 e os novíssimos Boeing 787, que a companhia começa a receber ainda este mês.

Nova poltrona executiva nos B767 da American. Foto: Divulgação

Por ora, apesar de grande parte dos voos partindo do Rio rumo a Miami e Nova York estar sendo feita em aeronaves já reconfiguradas, ainda há a possibilidade de algumas frequências utilizarem equipamentos antigos. Somente a partir da metade de 2015 é que todos os voos da American Airlines operados nos 767 passam a ser feitos exclusivamente em aeronaves com os novos interiores.

O que muda

Se você viaja de classe econômica, pode dar adeus aos antiquados assentos azuis de estofado grosso. No lugar entram novas poltronas slim-line, muito mais finas e leves, similares às da econômica dos Boeing 777 da empresa. A cabine também recebe bagageiros maiores e mais altos, que a deixam mais espaçosa, enquanto o novo sistema de iluminação, agora em LED, deixa o ambiente mais claro.

Nova poltrona executiva nos B767 da American.Foto: Divulgação

Assentos mais finos e leves na nova econômica dos 767 da American Airlines. Foto:Divulgação

Principalmente: a tela de retroprojetor à frente da classe econômica e as antiquadas TVs de tubo presas ao teto dos corredores, remetendo à aviação dos anos 90, saem de cena e dão lugar a telas individuais, com sistema de entretenimento pessoal e tomadas em todos os assentos.

Antigos assentos da classe econômica da American eram mais grossos e pesados. Foto: Divulgação.

Telas e tomadas em todas as poltronas da nova econômica dos B767. Foto: Divulgação.

A maior mudança, no entanto, está mesmo reservada à classe executiva. As novas poltronas tornam-se camas e os viajantes recebem um acolchoado e travesseiros grandes para maior conforto.

Todos os passageiros têm ainda acesso direto ao corredor, com assentos dispostos em configuração 1-2-1, geralmente reservada à primeira classe e à executiva de poucas aéreas conhecidas pelo nível de conforto.

Configuração 1-2-1 permite acesso direto ao corredor a todos os passageiros da executiva nos B767 da American. Foto: Divulgação.

As poltronas são versões menores daquelas utilizadas nos 777 da American e seguem a mesma linha dos assentos da Cathay Pacific, empresa aérea de Hong Kong frequentemente citada como uma das melhores do mundo.

Assentos cama na nova executiva dos B767 da American. Foto: Divulgação.

Antiga executiva dos 767 da American. Foto: Divulgação.

Nova frequência e cancelamento de rota

Os cariocas contam ainda com um reforço extra para a alta temporada: a partir de dezembro a American Airlines passa a operar mais uma frequência diária entre o Rio e Miami, utilizando Boeings 777-200 para acomodar a alta demanda de passageiros.

Por outro lado, a partir de fevereiro de 2015, a empresa cancela a rota entre Dallas, seu principal hub, e o Rio de Janeiro. Até lá, os voos entre as duas cidades continuam operando três vezes por semana.

 

Referências:http://todosabordo.blogosfera.uol.com.br/2014/11/12/de-adeus-as-tvs-de-tubo-nos-voos-da-american-partindo-do-rio/#fotoNav=2

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado