Trilhas próximas de São Paulo que você não pode deixar de fazer

Para quem está em São Paulo, quer sair um pouco da loucura da cidade e está a fim de entrar em contato da natureza, não há nada melhor do que fazer uma trilha caminhando entre a flora e a fauna paulista. Já imaginou caminhar por entre a mata de olhos vendados e descalço? Ou ainda percorrer 20 quilômetros em meio à vegetação, a uma altura de até 600 metros de altitude? Intenso, né?

Elegemos algumas das trilhas mais legais dentro do estado de São Paulo, divididas entre fácil, médio e difícil acesso. Escolha a melhor pra você e curta o passeio.

Trilha do Silêncio – Parque Estadual do Jaraguá (Fácil)

Como já dá para perceber pelo nome, essa trilha é das mais sossegadas. É uma ótima oportunidade para quem quer curtir a natureza e não quer ir muito longe de São Paulo. São 800 metros de trilha – contando ida e volta – e bem ali perto você encontra um riacho em meio à Mata Atlântica. Não se preocupe que a Trilha do Silêncio é adaptada para receber cadeirantes, idosos e deficientes visuais.

Trilha da Vida-  Parque Ecológico do Guarapiranga (Fácil)

É uma trilha indicada pra qualquer pessoa, inclusive para quem não tem preparo físico e crianças, já que está mais para um passeio do que uma trilha propriamente dita. O legal é que para estimular ainda mais o contato com o meio ambiente, com a ajuda de um monitor, você é guiado pelo caminho de olhos vendados e descalço. São apenas 65 metros, mas dizem que é uma experiência incrível.

Trilha do Poção – Parque Estadual da Serra do Mar (Média)

Essa trilha é para quem busca um pouquinho mais de aventura. São 3,5 quilômetros de percurso – mais ou menos quatro horas de duração – entre rios, corredeiras e cachoeiras, com direito a banho e tudo. Você também cruza um rio por uma ponte suspensa em cabos de aço. Não se esqueça que a trilha só é possível se você for acompanhado por monitores.

Monumentos Históricos Caminhos do Mar –  Serra do Mar (Médio)

Essa é pra quem tem fôlego. Durante o trajeto de 16 quilômetros (ida e volta) da Estrada Velha de Santos, além de contemplar a natureza da Mata Atlântica da Serra do Mar, você vai passar por diversos monumentos históricos do século XIII. E acredita que também dá pra ver a Baixada Santista? Guias estão espalhados pela trilha fornecendo informações sobre o local. Se você preferir, pode agendar antes.

Trilha da Pedra Grande-  Parque Estadual da Cantareira (Médio)

Uma das coisas mais legais desse passeio é chegar no topo da Pedra Grande e observar São Paulo. Mas, para chegar até lá, você tem que percorrer uma trilha de 9,6 quilômetros repleta de vegetação e animais. Não se preocupe que o trajeto é bem sinalizado, mas se você preferir pode optar pelo auxílio de monitores, entretanto não se esqueça de agendar previamente.

Trilha do Corisco – Parque Estadual Serra do Mar (Difícil)

Prepare-se que esta trilha é para os fortes. O caminho tem níveis elevados de altitude, o que torna tudo mais complicado. Mas, mesmo assim, a experiência é incrível. São 20 quilômetros de caminhada (pasmem!) e a trilha chega a atingir 600 metros de altitude entre riachos e mata. Um pouco de preparo físico é importante, já que são nove horas de peregrinação.

 

Referências: 

http://goo.gl/b87kjA

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado