Jovens adiam término de namoro para viajar

As gerações Y e Z ainda vão dominar o mundo das viagens. As preferências desses públicos que têm idade entre 18 e 35 anos vão na contramão dos chamados baby boomers, os mais experientes, nascidos no início da década de 1950 e começo de 1960.

Um estudo realizado pela Expedia com respondentes dos Estados Unidos mostra como as redes sociais já são influentes no poder de decisão de viagens. Para se ter uma ideia, 36% da geração da Y% afirmam que escolheram um destino por ter visto informações em sites como Facebook e Instagram.

Os bens de consumo, como roupas e joias, são cada vez mais deixados de lado por viajantes de todas as idades. Sessenta e cinco por cento diz poupar dinheiro para investir especificamente em uma viagem.

Um dado impressionante, mas que pode ser um tanto assustador, revela que quase 20% da geração Z dos Estados Unidos escolhem um hotel ou um país para receberem uma resposta positiva em suas publicações nas redes sociais. Ainda, cerca de 50% dos millennials, a geração Y, venderiam suas roupas e mobiliário de casa para viajar mais.

A linha de espanto segue com uma conclusão ainda mais estrondosa: 11% da geração Y e Z adiaram o término de um relacionamento a fim de fazer uma viagem já planejada com seu parceiro.

O GOSTO PELO ON-LINE
O agente de viagens passou a ser tratado como item de urgência pelo consumidor norte-americano. A consulta e posterior compra pelas agências de viagens on-line (OTA) tem sido cada vez mais crescente, com 80% de cada geração destacando reservar todo o roteiro em apenas um site em vez de acessar diversas plataformas.

Entre o público de 18 a 22 anos, a preferência pelo on-line é ainda mais gritante. Um total de 87% vê com bons olhos a possibilidade de reservar tudo em um só site, enquanto 55% consideram viável fechar um pacote via OTA.

A vontade de viajar é tão grande que a se tornar uma obsessão para 71% da geração Z, que aceitaria um trabalho de meio-período para economizar dinheiro para uma futura viagem.

O estudo foi conduzido de 8 a 17 de agosto de 2017 com mais de 1,2 mil cidadãos dos Estados Unidos com idades entre 18 e 65 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado